​Impactwave partilha know how com formandos do Curso de Programador de Informática do CENCAL

07 Julho 2021 - Óbidos Parque

O grupo de formandos da edição 2021/2022 do curso de Programador de Informática do CENCAL acaba de conhecer a Impactwave, em mais uma sessão de partilha dinamizada pelo Óbidos Parque e empresas da sua comunidade.

A sessão, que decorreu durante a manhã do passado dia 07 de julho, foi dirigida por Mauro Mangas, developer e New Media Designer da tecnológica. Teve como enfoque locais de trabalho e trabalho em equipa em ambientes TIC, ferramentas e tecnologias.

Até ao final deste ano, 14 futuros programadores vão estar pelo parque e ficar a conhecer o posicionamento de algumas das nossas tecnológicas, as linguagens de programação com que trabalham, assim como a sua visão sobre o que espera o mercado destes novos talentos.

No total, serão quatro as sessões de partilha de conhecimento que vão ter lugar nos Edifícios Centrais. Depois da Impactwave, e a partir de setembro, novas sessões terão lugar, desta feita com as tecnológicas Makewise, TIC Project e SafeAlliance.

Além de criarem importantes pontos de contacto entre os formandos e as diferentes tecnológicas do parque, estas sessões visam também passar aos futuros programadores algum know how e experiência de mercado.

Em dezembro, e à semelhança de anos anteriores, terá lugar uma sessão final de apresentação e promoção de competências por parte de cada um dos formandos do curso. A ideia é conseguir o melhor “match” entre formandos e empresas, e garantir-lhes um lugar para estágio, já no próximo ano.

Recorde-se que o curso de Programador de Informática foi lançado com o apoio do Óbidos Parque, em 2018. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações e parcerias nas quais o parque tecnológico tem vindo a trabalhar, no sentido de ajudar a responder à carência de programadores, em particular na região Oeste.

O curso de Programador de Informática é uma ação gratuita, que tem como objetivo qualificar adultos, na área da Programação. Todos os interessados deverão ter no mínimo 18 anos, o 12º ano de escolaridade completo, e encontrar-se em situação profissional de desemprego.

As ações que já começaram a ser dinamizadas resultam da parceria CENCAL - Óbidos Parque com vista à reconversão profissional, apoio à formação, capacitação e captação de recursos.


© 2020 Parque Tecnológico de Óbidos | Powered by Impactwave